Paulo Rabello de Castro

Presidente do BNDES, PSC

Paulo Rabello de Castro, nascido em 04/01/1949, Economista, pré-candidato a Presidente

Desconhecido entre os eleitores, o carioca Paulo Rabello de Castro tem renome entre economistas. É mestre e doutor em Economia pela Universidade de Chicago, berço de defensores do livre mercado. Fundador da agência de classificação de risco SR Rating e da consultoria RC, Rabello foi nomeado por Michel Temer para a presidência do IBGE, onde ficou por um ano, até assumir o comando do BNDES em junho de 2017. Autor de livros como “O mito do governo grátis”, Rabello atraiu críticas de liberais por se manifestar contra a nova taxa de juros do BNDES, que limita o subsídio público a empresários. Também criou polêmica ao afirmar que o banco de fomento não tinha como devolver R$ 130 bilhões de que o Tesouro necessita para fechar as contas de 2017 e 2018. Em novembro de 2017 migrou do Partido Novo para o PSC, que com isso deixou em segundo plano a defesa de valores da família para reforçar o discurso de liberalismo econômico. Rabello diz que vai trabalhar para “higienizar” a política e citou o “antigo PFL” e Antônio Carlos Magalhães entre suas referências na política.