PUBLICIDADE

Diferença salarial entre homens e mulheres na TI

Cresce o número de mulheres trabalhando com tecnologia no Brasil, mas não acompanha o crescimento masculino na área. Em setores típicos de TI, a diferença salarial é maior, mas mulheres trabalhando com tecnologia em outras áreas (TI in house) recebem o equivalente aos homens ou até mais, em algumas regiões. Ainda há poucas mulheres em cargos mais altos, o que ajuda a explicar maior o gap salarial em empresas de tecnologia.

Leia mais:  Duas grandes descobertas da IA deste ano são das mulheres, mas elas ainda são minoria em TI

Mulheres e tecnologia

Nos últimos dez anos, aumentou o número de profissionais femininas na área de Tecnologia da Informação, porém, elas perderam participação.


Áreas pesquisadas:

Core TI: engloba os setores econômicos tipicamente da área, como desenvolvimento de programas, suporte técnico, tratamento de dados e provedores de conteúdo na internet

TI in House: de profissionais que desempenham funções em outros setores, como financeiro, saúde e educação.


  • Homens
  • Mulheres



Fonte: Softex, RAIS e IBGE.

Leia a matéria completa e mais detalhes do estudo: Por que mulheres ainda são minoria entre profissionais de TI